Largo do Arouche – São Paulo vintage

Quando ouço falar em Largo do Arouche, a primeira coisa que me vem a cabeça é o programa Sai de Baixo, que se passava em um apartamento no bairro.

Impossível não lembrar da família de classe média falida do Caco Antibes e da Magda, né! Os domingos que eu conseguia ficar acordada até tarde pra ver o programa eram mais felizes…

Chamado de Largo de Ouvidor em homenagem à independência do Brasil em 1822, nome depois substituído por Largo da Artilharia e Praça Alexandre Herculano, o atual Largo do Arouche teve seu nome inspirado no marechal José Arouche de Toledo Rendon, reconhecido por ser o primeiro diretor da Faculdade de Direito de São Paulo e do Jardim Botânico.

Famoso por seu Mercado de Flores, tradição do local há mais de 58 anos, reunindo diversos floristas da Praça da República, o Largo é conhecido também como “Praça das Flores”, de modo a apresentar grande semelhança com mercados de flores franceses.

                                                                 La Casserole

O local abriga ainda o La Casserole, o primeiro bistrô da capital paulista, fundado em 1954, que hoje conta com festivais que mesclam arte e gastronomia; e restaurante O Gato Que Ri, conhecido por aqueles que apreciam tradicionais massas italianas, recebendo até mesmo famosos atores e músicos da velha guarda que lá fazem suas refeições até a meia-noite.

Há na praça o San Raphael Hotel, indicado para turistas e realização de conferências em uma de suas diversas salas de convenção, contando ainda com Arouche Beer Sports Bar, que traz grandes sucessos da MPB com shows ao vivo, de segunda à sexta-feira, na chopperia do hotel. Parte da vizinhança do Arouche, quem passar pela Rua Aurora terá a oportunidade de experimentar o chope e o famoso bolinho de bacalhau do Bar Leo, fundado na década de 40 por um alemão que logo vendeu o estabelecimento a um senhor chamado Leopoldo, que deu nome ao reconhecido boteco.”

Fonte: http://www.cidadedesaopaulo.com/sp/br/o-que-visitar/atrativos/pontos-turisticos/4378-largo-do-arouche

Apesar de ter esse ar todo boêmio, hoje em dia o largo está meio abandonado, decadente, e à noite não é muito simpático pois algumas das esquinas viram pontos de prostituição y otras cositas más. (tenho que ser sincerona, né não?!)

Quem é da comunidade LGBT, deve saber que o Arouche é considerado o coração gay de São Paulo, por isso os atrativos para esse público são fartos: lojas, bares, saunas, etc.

Se mesmo assim, você aí que curte esse clima vintage de São Paulo, viu mais vantagens do que desvantagens e tem bufunfa pra bancar mais de R$ 2.500,00 de aluguel, saca só esse mimo de apê (que é mobiliado OMG)!

me segura

Ficha Completa:

Disponível para: Locação

Aluguel: R$ 2.500,00

Condomínio: R$ 502,00

IPTU: R$ 64,00

Área útil: 123m²

Idade do Imóvel: 20 a 50 anos

Quartos: 01

Banheiros: 01

Suíte: 01

Informação adicional: tem estrutura de cobertura, é mobiliado e parece apê do pinterest.

Código: 1201s

Imobiliária: MP Consultoria Imobiliária  (11) 2279-6032 / (11) 2279-6035

Informações conforme constam no link do anúncio: http://www.imovelweb.com.br/propriedades/excelente-apto-para-locacao-no-largo-do-arouche-2923460515.html

Pesquisado em: 06/10/2015

Obs.: Só vou postar links e informações de imóveis que eu realmente recomendaria para os meus amigos, nada de enrolação como por exemplo falar que um apê é do lado do metrô quando na real fica lá na conchichina.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s